10 de fev de 2011

HOMEOPATIA II

Estou escrevendo novamente sobre o assunto para esclarecer melhor o tópico anterior, sobre a eficácia ou não dos remédios homeopáticos.

Muita gente não acredita na homeopatia porque não tem conhecimento que é uma ciência que foi experimentada e comprovada há mais de 200 anos.

Palavra de origem grega Homotos: Semelhante - Pathos: doença ou sofrimento.

É uma ciência terapêutica baseada na LEI NATURAL DE CURA: 
                  SIMILIA SIMILIBUS CURENTUR 
        (sejam os semelhantes curados pelos semelhantes).

Foi criada pelo médico alemão Christian Friedrich Samuel Hahnemann (1755-1843) que, inconformado com o pouco resultado e a violência das práticas médicas da época, formulou um sistema de medicina que fosse suave, científico e de efeito permanente.

(Estátua de Christian Friedrich Samuel Hahnemann Washington - USA)

Hahnemann falava 7 línguas e foi traduzindo a Matéria Médica de Cullen, sobre uma substância chamada China (Quinino), extraida da casca de uma árvore que baixava a febre e fortificava o aparelho digestivo, que ele resolveu experimentá-la em si mesmo, tomando a droga diariamente.

O resultado foi que a quina provocou febre, delírios e outros sintomas parecidos com os da malária e como ela era usada justamente no tratamento dessa doença tropical, ele desconfiou que outras substâncias poderiam causar os mesmos sintomas das doenças que curavam, quando eram dadas a indivíduos saudáveis.

Durante 6 anos experimentou nele, em amigos e parentes, outros 20 remédios comuns da época.

Assim ele comprovou a LEI DE CURA PELOS SEMELHANTES, já descrita pelo grego considerado o pai da Medicina, Hipócrates (460a.C-375 a.C.), que sabia que algo com efeito oposto ao da doença poderia fazê-la desaparecer, mas que também os SIMILARES curavam.

(Estátua de Hipócrates - Universidade de Medicina da Bahia - Brasil)

Hahnemann acreditava que os sintomas refletem um esforço do organismo para combater a doença e reencontrar o equilíbrio. 

Em seus experimentos descobriu que um mesmo medicamento nunca produzia sintomas iguais, quando ministrados a pessoas diferentes, porque era preciso considerar não apenas as características sintomatológicas das doenças, mas também as particularidades do mundo mental e psíquico do doente.


Em 1810 ele publicou sua principal obra, o "ORGANON DA MEDICINA RACIONAL", onde descreveu os princípios da Medicina Homeopática.


O que causa polêmica ainda hoje é o método que é utilizado para preparar o medicamento, a DINAMIZAÇÃO.

Ao iniciar seus experimentos, Hahnemann percebeu que as doses utilizadas na época eram muito tóxicas, passou então a diluir os medicamentos.

Quando repetia esse processo mais de 12 vezes, ultrapassava a barreira de AVOGRADO (usado para indicar a quantidade de moléculas existentes em 1 grama de qualquer substância) não existindo mais nenhuma molécula da substância a não ser água e ENERGIA.

Cada vez que o medicamento é diluído, é também agitado, ou sucussionado.

A sucussão "DESPERTA" uma "ENERGIA" medicamentosa "LATENTE" em cada substância, dinamizando-a.

E quanto mais diluido e mais dinamizado um medicamento, tanto maior será sua POTÊNCIA (seu poder curativo).



Os químicos nunca explicarão o sucesso desses remédios porque eles não encontrarão nenhuma molécula para analisar, mas como os remédios homeopáticos têm algo diferente em seu CAMPO MAGNÉTICO, só os físicos conseguirão prová-lo.

A palavra "ALOPATIA" também é de origem grega e significa Cura Pelos Contrários. Se você tem uma febre, toma um remédio contra a febre (antitérmico), um analgésico (contra a dor) ou um antibiótico (contra a infecção). O tratamento visa a doença.

A Homeopatia é um método terapêutico que TRATA O DOENTE e não a doença, ou seja, trata o paciente de forma HOLÍSTICA.



Só depois de uma análise criteriosa dos sintomas das peculiariedades dos pacientes é que o médico homeopata poderá descobrir qual o medicamento mais adequado a cada caso.

A Homeopatia ensina e acredita na Medicina Preventiva.

É uma forma especial de usar os medicamentos e não entra em conflito com coisa alguma no grande campo da medicina moderna.

A prática da Homeopatia chegou ao Brasil no dia 21 de novembro de 1840, com o médico francês Jules Benoit Mure e nesta data se comemora o Dia da Homeopatia.

No Brasil, a prática é regulamentada pelo Conselho Federal de Medicina.


Fontes de Pesquisa:



3 comentários:

  1. eu te amo.....

    marco

    ResponderExcluir
  2. Parabéns pela matéria. Um grande legado voce deixa para suas filhas.....se elas aproveitarem.
    Um beijo
    Sergio

    ResponderExcluir
  3. Eu faço uso e adoro, acredito totalmente. E é reconhecido como medicina convencional pela OMS.

    ResponderExcluir

Fico feliz quando você deixa um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...