11 de ago de 2010

MULHERES CELTAS



Já conhecia esse texto e agora que apareceu novamente às minhas mãos, decidi postar aqui porque é exatamente o que desejo prá vocês, minhas filhas...apesar de nem sempre ser possível seguir esses conselhos literalmente.

...Mas nos momentos de "crise" sempre é bom relembrar, ler e reler...

MULHERES CELTAS

As mulheres de origem Celta eram criadas tão livremente como os homens.

A elas era dado o direito de escolher seus parceiros e nunca poderiam ser forçadas a uma relação que não queriam. 

Eram ensinadas a trabalhar para que pudessem garantir seu sustento, bem como eram excelentes amantes, donas de casas e mães.

A  primeira lição era:  

Ama teu homem e o segue, mas somente se ambos representarem, um para o outro, o que a Deusa Mãe ensinou: Amor,  companheirismo e amizade”. 

Jamais  permita que algum homem a escravize: você nasceu livre para amar e  não para ser escrava. 

Jamais permita que o seu coração sofra em nome do amor. Amar é  um ato de felicidade,  por quê sofrer? 

Jamais  permita que seus olhos  derramem lágrimas por  alguém que nunca lhe  fará sorrir!

Jamais  permita que o uso de seu próprio corpo  seja cerceado. Saiba  que o corpo é  a moradia do espírito.  Por quê mantê-lo aprisionado? 

Jamais  se permita ficar horas  esperando por alguém  que nunca virá, mesmo  tendo prometido! 

Jamais permita que o seu nome seja pronunciado em vão por um homem cujo nome você sequer sabe!


Jamais permita que o seu tempo seja desperdiçado com alguém que nunca terá tempo para você! 


Jamais  permita ouvir gritos  em seus ouvidos. O Amor é o único  que pode falar mais  alto! 

Jamais  permita que paixões  desenfreadas a levem  de um mundo real  para outro que nunca  existiu! 

Jamais  permita que outros sonhos se misturem aos seus,  tornando-os um grande  pesadelo!

Jamais  acredite que alguém  possa voltar quando  nunca esteve presente! 

Jamais  permita que seu útero  gere um filho que  nunca terá um pai! 

Jamais  se permita viver na  dependência de um homem  como se você tivesse  nascido inválida! 

Jamais  se ponha linda e  maravilhosa a  fim de esperar por  um homem que  não tenha olhos para  admirá-la!

Jamais  permita que seus pés caminhem  em direção a um  homem que  só vive fugindo de  você! 

Jamais  permita que a dor,  a tristeza, a solidão, o ódio, o ressentimento,  o ciúme, o remorso e tudo aquilo que possa tirar o brilho dos seus olhos, a  dominem, fazendo arrefecer  a força que existe  dentro de você!


E, sobretudo,  jamais permita que você mesma perca a dignidade de ser...MULHER!



4 comentários:

  1. Olá Carmo.
    Linda foto a que colocaste aqui, 4 lindas mulheres.

    Obrigada pela visitinha e pelo comentário no meu blog.
    O que se usa para os tapetes de Arraiolos é a juta e se for já marcada (formação de quadrados)melhor. Eu comprei da que tem os buraquinhos maiores, trabalha-se melhor.
    Bjkas a todas vós.

    ResponderExcluir
  2. Olá Carmo,

    adorei a sua visita e seu comentário no meu novo blog!

    Queria perguntar se você se importará se algum dia precisar de postar algum artigo que vc tenha aqui no seu blog...

    Quando ao filme que me disse para ver se passa aqui em Portugal, não sei se passará com o mesmo nome... quem são os actores e qual o nome original em Inglês?

    Beijinhos
    Vera N.

    ResponderExcluir
  3. Olá Amiga.
    Vim assim que li no grupo sobre homeopatia para ver do que se tratava. Meu marido fez um curso na Faculdade Rural junto com a pastoral, sobre homeopatia e gostamos muito, tanto que quando precisamos é a ela que recorremos.
    Quando eu era pequena minha avó costumava a usar arnica quando levavamos alguma pacada e nos dava gotas dela na agua com açucar, lembro que ela mexia muitas vezes e contava... será que já era o principio?
    Sei que faço o uso de arnica e várias outras ervas até hoje, gosto mais de chás. rsrs
    Aproveito para falar sobre tanchagem, uma erva muito boa que acabou com o problema de inflamação de garganta constante que afligia meu filho.
    Já ia esquecendo... este texto é lindíssimo, pena que não sou Celta, deixei de ser, desde que parei de trabalhar para cuidar de filhos e fiquei dependente de marido. Agora ele é meu dono.
    Bjs

    ResponderExcluir
  4. Obrigada pela sua visita Kátia.

    Gostei muito da sua experiência com a homeopatia.

    Minha avó e minha mãe também me davam arnica quando levava pancadas.

    Não sabia que tanchagem tratava inflamação de garganta.

    Obrigada por compartilhar essa informação.

    Volte sempre que puder, será uma honra para mim.

    Beijos amiga.

    ResponderExcluir

Fico feliz quando você deixa um comentário

LinkWithin

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...